Feira Dois Pontos

Postado em 07/10/2017 7:05

Biometria: mais de 200 mil eleitores faltam ser recadastrados em Feira de Santana

.

Share Button

Dos cerca de 397.095 eleitores de Feira de Santana, aproximadamente 230 mil ainda não realizaram o recadastramento biométrico, cujo prazo termina no dia 31 de janeiro de 2018. A informação é do chefe da 156ª zona eleitoral, Danilo Pereira. Segundo ele, o órgão tem trabalhado em sua carga máxima.

 

“Estamos funcionando das 8h às 18h. Todas as máquinas que temos estão disponíveis para a biometria. A prefeitura está dando todo o apoio e contratou terceirizados. Até 2018, a gente deve chegar próximo de 80% do eleitorado de Feira”, afirmou.

 

De acordo com Danilo Pereira, o TRE também está realizando o recadastramento nos distritos por meio de uma unidade móvel. Em Humildes, 71% do eleitorado já foi cadastrado. Hoje, o trabalho foi realizado na Matinha. Os próximos a receber o serviço serão Maria Quitéria, Jaguara, Bonfim de Feira e Jaíba.

 

Reclamações

Com relação às reclamações sobre a falta de estrutura na sede do TRE para atender à demanda de eleitores que buscam a biometria, Danilo Pereira informou que em Feira, além da unidade da José Falcão, existe também o SAC oferecendo o serviço. O agendamento para o SAC deve ser feito, no entanto, através do site da Saeb e não do tribunal eleitoral.

 

Ele explicou que há somente dois locais no município por uma decisão administrativa da presidência do Tribunal, em Salvador. “Não temos nenhuma gestão sobre isso. Estamos cumprindo a determinação que veio da sede”, disse.

 

Sobre as longas filas, o chefe da 156 declarou que o órgão não tem como controlar. “É opção de cada um chegar de madrugada. A gente distribui mais de 500 senhas todos os dias e pede que as pessoas cheguem de manhã, não temos ninguém para tomar conta. As pessoas só ingressam no prédio a partir de 8h, mas a gente está permitindo que entrem antes, entre 7h30 e 7h40, as pessoas que têm preferência, como os idosos e gestantes, para tentar diminuir essa permanência na rua”, afirmou.

 

Ele ressaltou ainda que há 100 assentos disponíveis na central de atendimento e banheiros suficientes para atender a demanda.

 

“É impossível colocarmos 500 cadeiras no meio da rua, nenhum órgão do país faz isso. E também não conseguiremos atender a todas as pessoas num dia só. Estamos atendendo em torno de 500 a 550 pessoas por dia, e o restante do agendamento. São mais de 40 guichês, atendendo mais de 100 pessoas por hora durante a manhã. É uma demanda muito grande. Estamos atendendo no nosso limite”.

 

Agendamento pela internet

O agendamento para atendimento em Feira de Santana pode ser feito semanalmente, todas as segundas-feiras a partir das 8h, e mensalmente todo dia 20. Alguns eleitores tentam fazer o agendamento de madrugada, mas as vagas só abrem a partir deste horário ou quando alguém desiste ou falta o agendamento.

 

Laiane Cruz/Acorda Cidade

Share Button

BUSCAR NO SITE: