Feira Dois Pontos

Postado em 22/11/2017 4:39

Para João Bililiu é “lerdeza tamanho G” o descaso com a Lagoa Grande

.

Share Button

As obras de esgotamento sanitário da região da Lagoa Grande foi destaque na manhã de hoje (22), na Câmara Municipal de Feira de Santana. O vereador João Bililiu (PPS) ressaltou a “lerdeza tamanho G” – se referindo à lentidão dos serviços e fazendo uma analogia com a propaganda do Governo do Estado que classifica suas obras como “tamanho G”.

Para o vereador, que justificou sua revolta com a situação afirmando que está sendo cobrado constantemente pelos moradores da região, onde também mora, uma séria de irregularidades vem sendo observadas por ele. “Não é possível que essa obra se arraste por mais um ano. Deveria ser entregue no final de 2013 como consta no projeto. As pessoas estão sofrendo com a lama, o mau cheiro, os mosquitos, doenças e principalmente pelo descaso do Governo do Estado.

Ainda segundo o vereador, o valor previsto para execução das obras de urbanização da lagoa era R$23.623.644,80. Valor este publicado no diário oficial do Governo Estado onde também consta como vencedora a empresa PJ Construções e Terraplanagem Ltda. Porém, a quantia já investida ultrapassa os 70 milhões de reais. “O pior é que depois de gastar tanto, ainda não se tem previsão para conclusão das obras. Moro na região e sei a gravidade dos problemas enfrentados por meus vizinhos do Caseb, Rocinha, Parque Getúlio Vargas e Ponto Central”, reclama João Bililiu.

Share Button

BUSCAR NO SITE: